Primeira ocupação cultural do antigo Dops

Dia 21 (a partir das 17h) e dia 22 (a partir das 11h)
Local: Rua da Relação, 40 – Centro

O Ocupa Dops, que está sendo organizado por organizações e militantes à frente da campanha de transformação desse prédio em um espaço de memórias da resistência e das lutas sociais, vai reunir ex-presos políticos, familiares de mortos e desaparecidos durante a ditadura, artistas e militantes de movimentos sociais do Rio de Janeiro, Pela transformação do prédio do ex-Dops/RJ em um espaço de memória das resistências e das lutas sociais.

 

SEXTA FEIRA
 16hs – Concentração
17hs – Aula Pública com a Professora Luciana Lombardo – Dep. História PUC-RJ
18hs – Lavagem das Entradas do Prédio/Capoeira – Cia de Mystérios e Roda de Capoeira Angola Manifesto
19hs – Leitura do Manifesto pela Transformação do ex-dops em espaço de memória da resistência – Homenagem ao ex-presos, aos perseguidos, aos mortos e desaparecidos.
20hs – Hip-Hop – Bond da cultura
21 e 30 – Roda de Samba
+ projeções (projetação e cineciclecine) + performaces (alunos da escola de dança Angel Viana) + entrevistas
SÁBADO
 11hs – Concentração e montagem da exposição de fotografia (debate ampliado sobre a organização do ato público do dia 1° de Abril)
14hs – Mesa sobre violência do estado no passado e no presente ( Jessie Jane – Prof. História da UFRJ e ex-diretora do AEPERJ |  Raul Nin – Coletivo DAR | Fernando – Laboratório de Direitos Humanos de Manguinhos | Mecanismo Estadual de Prevenção e Combate à Tortura)
16hs – Performances de Dança e leitura de Peças Censuradas / ASBAT E Instituto Augusto Boal (Escola de dança Angel Vianna)
18hs – Projeções de Filmes
20hs – Encerramento

Publicado em: 20/03/2014 - #ISER realiza